Autorresponsabilidade profissional, qual é a sua? 

Autorresponsabilidade é uma das habilidades mais importantes para construir uma carreira de sucesso. 

Inegavelmente, quando nos responsabilizamos por nossas escolhas e atitudes, em todos os níveis de nossa vida profissional, tomamos decisões mais conscientes e assertivas. 

Ainda que nem tudo dependa exclusivamente de nossas escolhas, exercer a autorresponsabilidade naquilo que depende de nós faz toda a diferença.  

Quando começa a ser autorresponsável?

Quando você é criança suas escolhas, muitas vezes, seriam apenas as brincadeiras, os jogos e as companhias, tão saudáveis e importantes como qualquer outro compromisso.

Porém, os adultos lhe demandam outras responsabilidades.

Por certo, é aí que começa a se formar seu senso de autorresponsabilidade. Inicialmente, com coisas cotidianas, como hora de dormir, hora de acordar, tarefas da casa e tarefas da escola. 

Mais tarde, vem as demandas individuais, como estudar, procurar trabalho, administrar tempo e dinheiro, por exemplo.  Mas, isso é só um pequeno panorama de como essa habilidade entra em nossas vidas. 

A questão aqui é o nível de autorresponsabilidade que desenvolvemos a partir desses aprendizados e o empregamos em nossa vida profissional, ou seja em nosso planejamento de carreira.

Você desenvolve a autorresponsabilidade para além das tarefas cotidianas?

Se temos o privilégio de crescer com educação e segurança, raramente somos educados para desenvolver o autoconhecimento, a gestão das emoções e, consequentemente, a autorresponsabilidade.

É muito comum que as inúmeras responsabilidades que vamos assumindo ao longo de nossa trajetória nos leve a fazer escolhas que não são bem aquelas que queríamos, inclusive porque simplesmente não  sabíamos o que, de fato, queríamos. 

Não aprendemos a desenvolver um olhar mais apurado e entender a autorresponsabilidade em suas diversas camadas, tais como:

  • das atitudes
  • do autoconhecimento
  • dos propósitos
  • da estratégia
  • da comunicação 
  • das demandas de trabalho
  • do planejamento de carreira

A lista não tem fim. A autorresponsabilidade está presente em tudo o que fazemos. De fato, começa com as pequenas atitudes e tarefas cotidianas, se desenvolve com base na consciência do que se quer, e se expande para qualquer plano mais elaborado a que nos propomos.  

Além disso, não vamos sozinhos, a autorresponsabilidade é coletiva. Nossas decisões e escolhas impactam nossas vidas e a de outros. Ou seja, uma gama de intenções precisa ser adicionada neste pacote, como equilíbrio, respeito, empatia, consideração e outras.

Sua autorresponsabilidade não anda sozinha 

Então, se exercitamos a autorresponsabilidade e nos comprometemos com nosso desenvolvimento profissional, podemos criar o hábito de comunicar esses projetos para as pessoas envolvidas. 

Por exemplo, como líder, o exercício de autorresponsabilidade inclui a gestão comportamental. À medida que uma liderança assume seu papel de integrar colaboradores e otimizar relações, as condições de trabalho melhoram para ambas as partes. 

Similarmente, no caso de mapeamentos de perfis, processos e avaliações. Um perfil influente entrega suas demandas de uma forma e um perfil de conformidade de outra. Nesse caso, faz parte do exercício de autorresponsabilidade da liderança saber o que precisa. 

Isso vale para qualquer ferramenta, o nosso exemplo é o de perfis comportamentais, mas o ponto é que a liderança tem como tarefa de autorresponsabilidade difundir os meios adotados e certificar-se que todos estão falando a mesma linguagem. Caso contrário, não há mapeamento, processo, avaliação que seja efetiva.  

Como falamos, são muitas camadas, o exercício é ir adicionando a habilidade da autorresponsabilidade a cada uma delas. 

Esse é nosso trabalho, ajudar a identificar as muitas camadas para trabalhar habilidades. 

Vamos?

Deixe um comentário